3 de julho de 2015

A Teoria de Tudo (The Theory of Everything), 2015

Olá olá! 

O filme tratado hoje é o comovente A Teoria de Tudo. Indicado em 5 categorias: melhor filme, melhor ator, melhor atriz, roteiro adaptado e trilha sonora. O filme é adaptado do livro A Teoria de Tudo, escrito pela primeira esposa de Stephen Hawking, Jane Hawking. Como no livro temos a versão dela, a adaptação tem o lado mais romantizado da história de vida deles. Lembre-se: eu ainda não li o livro, então essa é apenas minha visão do filme.


O filme é baseado na biografia escrita por Jane Hawking e conta a vida de Stephen Hawking mostrando o próprio quando jovem, lá pelos seus 21 anos. Nessa idade ele já era brilhante e foi nessa mesma época que ele começou a fazer importantes descobertas sobre o tempo e sobre sua inevitável doença. Entre uma e outra descoberta, ele e Jane acabam de apaixonando, se casam e tem uma linda história de amor. Apesar de todas as dificuldades que a doença trouxe, Jane e Stephen não se deixaram abater e mostram que com pouco de amor tudo é possível.

Stephen Hawking foi diagnosticado aos 21 anos com esclerose lateral amiotrófica. Essa doença faz que com a pessoa tenha degeneração dos neurônios motores, esses neurônios são os que controlam os movimentos voluntários dos músculos. Com essa doença, a pessoa então acaba perdendo gradativamente, os moviments básicos: falar, engolir, andar, mexer as mãos. 

Hawking no começo da doença, teve uma expectativa para viver apenas dois anos e como podemos ver até hoje, ele ainda está por aí: firme e forte. Superou todas as chances de sobrevivência. Jane conseguiu nos contar com um olhar único, todas as dificuldades e incertezas, os 25 anos que viveram juntos e a criação de três lindos filhos.



Devo ressaltar a belíssima atuação de Eddie Redmayne, se ganhar o Oscar é dar o sangue pela interpretação, então com certeza o Eddie vai ganhar. Ele realmente incorporou o papel e se tornou, sem sombra de dúvido, um belo Stephen Hawking.. A Felicity Jones não fica de fora dessa não, como atriz principal ela soube ter o destaque merecido, porém não acho que brilhou tanto. Os atores de suporte, o professor Lupin Dennis Sicama e o amigo Brian, não deixam a desejar, mas também não surpreendem.

 

Esse filme não é feito para você, caso queira aprofundar mais na história de vida de Stephen Hawking como o processo de suas descobertas e detalhes sobre suas teorias, o lado lógico de Stephen. Agora, se você deseja um filme mais humano e mais real sobre sentimentos e uma linda história de superação ao modo Stephen Hawking e amor esse filme é para você. 

Por pior que a vida possa parecer, sempre há algo que podemos fazer em que podemos obter sucesso. Enquanto houver vida, haverá esperança.

Título original: The Theory of Everything 
Distribuidor: UNIVERSAL PICTURES 
Ano de produção: 2014 
NOTA: 5/5 + ♥


Eu particularmente gostei muito do filme, achei lindo, tocante e comovente. Não é apenas mais um filme de romance, é uma história real e verdadeira. Vocês já viram o filme ou leram o livro? Quero saber se gostaram, me conta!

Love, kisses & rockets

Créditos das imagens
Imagens e gifs: Tumblr

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos e ajudam no feedback do blog ♥
Comentário com conteúdo de baixo calão ou preconceituoso, serão excluídos.