6 de setembro de 2015

Procura-se um Marido - Carina Rissi

Um ano e seis meses. Foi o tempo que esse livro ficou armazenado em minha estante.
No meu aniversário do ano passado, fui presenteada com esse livro tão lindo que, antes de ler, já sabia que ia gostar.  O motivo? A pessoa que me deu ele, a Taty (minha cunhada), o ama, e falou muito a respeito por um bom tempo.
Agora que estou com a vida organizada, estou lendo as maravilhas que estavam empacadas. E essa foi uma leitura carregada de emoção e risos.
“Procura-se um Marido” é uma obra nacional, da autora Carina Rissi. Iniciei a leitura cheia de expectativas, e, amo dizer isso, todas elas foram superadas.


Procura-se Um Marido


Alicia é uma mulher de 24 anos, cheia da grana, linda, e muito irresponsável. Aproveita cada minuto da vida como pode, e, de vez em sempre, se mete nas mais loucas confusões. Para vocês entenderem bem, Alicia conseguiu ser presa em Amsterdã, a cidade do pecado. Seus pais faleceram num atentado, quando ainda bem pequena, assim sendo, ela foi criada pelo seu avô, Narciso.

“Não existe amor maior do que o de um pai por sua filha, ainda que ela não seja biologicamente sua.” – pág 469

Narciso é um homem poderoso, dono de uma multinacional do ramo de cosméticos. Sabe aquele tipo de pai, avô, amigo que queríamos ter por perto o tempo todo? Esse é Narciso, ricaço com um coração gigantesco.
A garota viu seu mundo cair novamente, quando seu avô, para nossa tristeza, veio a falecer. E as coisas pioraram ao constatar que, no testamento deixado por ele, só poderia tomar contar de todo o império que tinham, quando se casasse. E tem mais: ela deveria trabalhar na empresa começando por baixo, com salário mínimo e tudo que é permitido para os meros mortais “raladores”.

“Você precisa é de um bom homem ao seu lado. Alguém que lhe mostre o verdadeiro sentido da vida. Precisa de um marido.” – pág 11

Claro que Alicia ficou revoltada, mas não por causa do dinheiro, e sim pela falta de confiança vinda de seu avô. Ela tinha aversão a relacionamentos, pois amava curtir a vida, e de repente se viu coagida a procurar um marido.
Se não bastasse tudo isso, na empresa todos pareciam a odiar. Principalmente certo loirão de olhos azuis chamado Max.

“...Max era aquele tipo de homem que fazia uma garota – não a mim, claro – suspirar por semanas só porque ele lhe disse oi.” – pág 97

E assim, desesperada, resolveu colocar um anúncio no jornal. Nele, procurava um candidato para a vaga de marido. O que ela não esperava era encontrar o candidato perfeito para ocupar seu coração.
Perceberam que fiquei cheia de romantismo na última frase? Pois é, foi o efeito Carina Rissi. O livro é uma dose exagerada de fofura, fiquei encantada pela personagem principal. É narrado em primeira pessoa, por isso é possível saber os pensamentos loucos de Alicia. Ela foi responsável por me arrancar muitas e muitas gargalhadas.
Foi ótimo ver o crescimento da personagem em cada página. O choque de realidade foi, ao mesmo tempo, engraçado e comovente por ter contribuído com tal amadurecimento. E não é uma leitura que iniciamos odiando a personagem por ser mimada. A Alicia tem um jeitinho único de encantar o leitor.
A relação afetiva entre neta e avô, em minha opinião, foi o ponto alto do livro. Essa parte deu o toque emocional na história, e a autora, tão excelente, soube bem dosar todos os sentidos que queria passar para o leitor.

“Eu nunca quis ficar em algum lugar por alguém que não fosse o vô Narciso.” – pág 258

Não posso deixar de citar a Mari, melhor amiga da Alicia. Uma personagem especial, que mostra o quanto as amizades são preciosas.

“Mari estava ali. Sempre esteve. Sempre estaria. Amigas ficam ao seu lado nos momentos bons, mas apenas as melhores seguram sua mão nos momentos ruins.” – pág 28

O romance é leve, mas não de um jeito comum. Tá, confesso que é um clichezinho, mas daqueles que amo ler. Todas aquelas sensações de início de paquera estão ali. Suspiros, friozinho na barriga, e aquela torcida enorme para que um deles dê o primeiro passo. Nos apaixonamos pelo mocinho ao mesmo tempo que Alicia, e isso é ótimo.
Fazia tempo que não lia algo que mexesse tanto com todos os meus sentidos. O livro me transformou em uma zumbi, pois não conseguia parar de ler nem para dormir.
O que proporcionou uma leitura mais que perfeita, foi que tive o prazer de ler os recadinhos deixados pela Taty. Ela marcou as partes que mais gostou e foi como tivéssemos conversando durante a leitura. Mais fofo que isso não há!



É um livro grande, porém com uma escrita tão gostosa que nem percebemos as páginas passarem.
Se tornou favorito! 


ISBN: 9788576861984
Ano: 2012
Páginas: 476
Editora: Verus
Nota: 5/5

Sobre a autora:
Foto -Carina RissiCarina Rissi é uma leitora voraz, sempre lê a última página de um livro antes de comprá-lo e tem um fascínio inexplicável pelo tema "amores impossíveis". Vê nas obras de Jane Austen uma fonte de inspiração. 









Love, kisses & rockets

Créditos das Imagens





4 comentários:

  1. Ah que resenha linda cunhada ♥
    Adorei ser mencionada hihi e amei saber que você gostou do livro :D
    Você viu que vai ter um livro bônus? Só que não vai focar na Alicia e no M** rsrs Já estou ansiosa pelo lançamento que nem sei quando vai ser.

    Beijos!
    www.aculpaedosleitores.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi fofura!! Que lindo sua visitinha :)
      Eu não sabia que teria um livro bônus, não sei se fico feliz ou triste hahahahaha.
      Beeeijos ♥

      Excluir
  2. A resenha ficou maravilhosa, mas dificilmente leria o livro. Esse tipo de obra não me agrada muito; tenho uma certa aversão a romances. haha
    Contudo, acho que iria gostar da Alicia; me dou bem com personagens meio loucos.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de setembro. Serão dois vencedores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk Ultimamente ando lendo muitos romances, acho que estou "possuída" por eles hahahaha. Eu leio de tudo, gosto de conhecer tudo rsrs, mas vc sabe que terror e fantasia tomam conta de mim. Adorei esse livro, é mto bom pra sair da rotina, sem contar que é engraçado. Mas não tem nada hot viu? Se um dia quiser variar, vai amar conhecer Alicia.
      Beeeijos

      Excluir

Comentários são sempre bem vindos e ajudam no feedback do blog ♥
Comentário com conteúdo de baixo calão ou preconceituoso, serão excluídos.