23 de março de 2016

Exposição O Mundo de Tim Burton MIS

Hey!

No fim de semana eu fui na Exposição O Mundo de Tim Burton realizado pelo MIS - Museu da Imagem e do Som de São Paulo, e eu vim aqui contar um pouco da minha experiência nessa exposição como fã de Tim Burton.



O Mundo de Tim Burton. A exposição explora toda a gama do trabalho criativo de Tim Burton e apresenta desde desenhos da primeira infância até sua carreira consolidada como diretor. A exposição O Mundo de Tim Burton foi organizada pelo Museu da Imagem e do Som e pela curadora independente Jenny He, em colaboração com a Tim Burton Productions.
A mostra reúne cerca de quinhentos itens incluindo obras de arte e esboços raramente ou nunca vistos, pinturas, storyboards e bonecos de sua vasta filmografia, que inclui Edward mãos de tesoura, O estranho mundo de Jack, Batman, Marte Ataca!, Ed Wood, Os fantasmas se divertem, entre outros, e de projetos não realizados e pouco conhecidos que revelam seu talento como artista, ilustrador, fotógrafo e escritor.
A retrospectiva de trabalhos de Tim Burton foi originalmente montada pelo MoMA em 2009 e depois viajou para as cidades de Melbourne, Toronto, Los Angeles, Paris e Seul. Após estas paradas O Mundo de Tim Burton se aprofundou na temática de Burton, seus assuntos e sua perspectiva criativa única, apresentando mais de 150 novas obras não vistas na exposição anterior. Depois de paradas em Praga, Tóquio, Osaka e Brühl, Alemanha, onde está em exibição no Museu Max Ernst, até Janeiro de 2016, o MIS será a primeira instituição da América Latina a sediar esta exposição.
Essa introdução eu retirei do site do próprio MIS, para que vocês entendam um pouco sobre como foi idealizada a exposição, e só de ler isso já da uma vontade de voltar para lá e rever tudo de novo, infelizmente o Tim Burton pediu para que nada fosse fotografado por serem coisas de seu acervo pessoal, uma pena, porque da vontade de tirar foto de tudo, o cara é um gênio e tem um mente incrivelmente criativa.

Quando entramos na exposição, passamos por dois painéis de referência, onde vemos os filmes e obras que inspiram Tim Burton, e tem muita coisa realmente interessante e que podemos ver as referências em suas obras, depois realmente começamos a entrar na cabeça do diretor, e passamos por várias emoções diferentes até chegar ao final onde vemos parte de sua filmografia, o período exposto começa com Vincent em 1982 e vai até Frankwinnie 2012.

Na primeira sala temos Terror|Humor, desenhos feitos pelo Tim em diversos papéis diferentes, incluindo uma folha de jornal, onde ele faz uma mistura de trocadilhos com desenhos estranhos que fazem seu papel de representação, como por exemplo a frase "Tongue twister" (Trava línguas) onde o desenhos é um cara com a língua toda torcida e presa. Depois passamos pela Felicidade, e para descer até essa sala temos duas opções, ou a escada ou um escorregador, e é óbvio que eu optei ir pelo escorregador e foi muito divertido; na sala da felicidade temos outras ilustrações feitas por ele de pessoas e o modo como ele vê essas pessoas, mistura de máquinas e humanos com remendos que lembram muito a história de Dr. Frankenstein.

Ainda na sala da Felicidade temos também uma parte dedicada as Polaroides, que mostram o lado fotógrafo do artista, são fotos feitas em polaroide e reveladas em tamanho grande, não sei como ele fez isso, dessas fotos algumas remetem a Sally de O estranho mundo de Jack, onde temos fotos de uma mulher azul com marcas de costuras, e também temos algumas fotos em cenários de seus filmes como em Marte Ataca, e fotos temáticas de Natal, essas fotos são incríveis e me deixaram totalmente apaixonada, querendo levar todas para casa. Depois temos a sala Angústia| Melancolia onde temos além de ilustrações que em sua maioria não possuem relações com suas obras, mas apenas são reflexos de seus pensamento e sentimentos mais profundos, também temos os poemas criados por Tim que fazem parte do livro O triste fim do pequeno menino ostra e outras histórias, e outros personagens como Robot Boy (Garoto Robô) e Staring Girl (Garota que encara) que fazem parte do The World Of Stainboy (O mundo do garoto mancha), que é uma série de curtas animados que foi criada em 2000 apenas para a internet, uma produto inovador na época da virada co século 21. Nessa parte temos até um Robot Boy em tamanho real que pisca seus olhos e abre e fecha sua cabeça, é muito fofo, interessante e até um pouco assustador.

A sala Encantamento mostra o lado fã de Tim, onde ele se encanta e surpreende com seus heróis de infância, temos também ilustrações de sua época de escola e seus primeiros curta-metragens em Super 8 onde ele mesmo atuava com seus amigos e já demonstrava muito talento para o cinema. Na sala Projetos Não Realizados temos obras de cinema, televisão e livros não realizados por Tim em diversos estágios diferentes, como apenas ideias ou até mesmo esboços que acabaram se tornando outras obras como Edward Mãos-de-tesoura e Jack Skellington, e uma coleção enorme de desenhos e esboços feitos em guardanapos, essa parte me deixou completamente encantada, são tantos desenhos e tantas referências e coisas que acabamos por conhecer muito tempo depois, mas que ele já imaginava em sua cabeça, nessa sala outra coisa interessante é a forma com a qual esses objetos são expostos, em pequenas casinhas todas iguais, que remetem muito ao filme Edward Mãos-de-tesoura, que também lembram muito o lugar onde Tim cresceu, e essas ilustrações eram a forma com a qual Tim lidava com a solidão e o sentimento de estar preso a monotonia de seu bairro.

E por último, chegamos a sala Filmografia onde temos desenhos, pinturas, vídeos, notas de roteiro, storyboard, bonecos e muitas outras coisas relacionadas aos filmes de Tim e uma timeline muito interessante onde vamos vendo a marca de Tim ficando cada vez mais forte em suas produções.








A exposição foi incrível e não me desapontou em nada, acabei conhecendo muito mais sobre Tim Burton e um lado dele que poucas pessoas conhecem, seu lado mais psicológico e emocional, toda a criatividade que parece infinita e o talento em transformar coisas macabras em obras que encantam o público e fazem uma ligação bem forte com esse público que se diverte mesmo com as coisas mais estranhas vistas. Foi uma experiencia muito mágica mergulhar na cabeça do diretor e sem dúvida única, pois a cada lugar que passa a exposição sofre mudanças o que a torna única, então se tiver oportunidade de ver, veja!!



Logo depois de passar por esse mundo totalmente diferente e especial, eu fui comprar algumas coisas para ter comigo mais lembranças dessa experiencia maravilhosa, infelizmente os preços de livros e outras coisas são bem salgados, então tive que me contentar com algumas coisas, mas que já valem ouro para mim, e coisas que eu queria comprar mas não pude, tenho a oportunidade de procurar por preços um pouco mais acessíveis, mas como disse, a experiencia valeu muito a pena, esses mimos que comprei vou guardar com muito carinho e ter ótimas lembranças.






Acho que consegui mostrar um pouco de como foi a exposição e o que eu achei dessa experiência mágica, e logo que eu ler o livro que comprei farei resenha dele aqui para vocês no blog, ainda não sei quando vou ler mas espero que seja em breve. E se você visitou ou tem vontade de visitar a exposição, me conta ai nos comentários.

Love,kisses & rockets
Créditos da imagens
Fotografia e edição por Amanda Prado | Fonte por DaFont

4 comentários:

  1. Ai amiga, que demais!
    Só de ler sobre a sua experiência já fiquei com mais vontade ainda de conferir a exposição. Espero conseguir ir em breve!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do post amiga, espero que você consiga ir e ver de perto esse mundo incrível!! *--*
      Beijos

      Excluir
  2. Amei amei esse post. Me senti mais pertinho da exposição através da sua experiência.
    Bem, não vou conferir pq moro no interior e nunca vem essas coisas por aqui, só cavalos e cantores sertanejos mesmo. Amei suas aquisições ♥
    Beeijos
    lua-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou do post Bia!!!
      Ah boba, eu também moro no interior, mas pelo Tim Burton eu fiz o esforço de ir pra Sampa *-----*
      Também amei as aquisições, da até dó usar os marcadores
      Beijos

      Excluir

Comentários são sempre bem vindos e ajudam no feedback do blog ♥
Comentário com conteúdo de baixo calão ou preconceituoso, serão excluídos.