19 de agosto de 2016

O que fazer? (The Angriest Man in Brooklyn), 2014

Olá  pesoas, tudo bem?

O filme de hoje tem no elenco Robin Williams, Mila Kunis, Peter Dinklage, Melissa Leo, entre outros. É um drama com toque de humor que te leva a refletir um pouco sobre os vários momentos da vida que não soubemos aproveitar da maneira que deveríamos, assim como questões de vida e morte. "O que faria se soubesse quanto tempo lhe resta?", essa é a pergunta da vez.




Henry Altmann, interpretado por Robin Williams, é uma pessoa extremamente mal humorada e impaciente. No dia de sua consulta de rotina ele recebe uma notícia nada agradável de sua médica substituta, ele tem um aneurisma cerebral e ao deparar-se com essa notícia ele fica histérico e exige que ela lhe dê um tempo de vida. Completamente desnorteada e apavorada com a situação ela solta um tempo para Henry, 90 minutos.


Esse é o tempo que ele, seja para resolver a vida, seja para "viver" todo o tempo perdido. É óbvio que não ia dar certo e Dra Gill, interpretada por Mila Kunis, começa uma corrida em busca de Henry para contar que não são 90 minutos de vida. Porém Henry saiu da consulta tão atordoado que será difícil encontrá-lo.

O filme então vai contar toda essa trajetória da Dra Gill para encontrar Henry, enquanto Henry vai usar desse tempo para reconciliar-se com a sua esposa que há muito tempo não tem uma relação amigável e seu filho que não conversam há muito mais tempo.

"The Angriest Man in Brooklyn" vai usar muito do sentimentalismo para afetar o telespectador e abusar dos momentos reflexivos, tentando mostrar e te fazer entender o que é mais importante na vida e/ou naqueles momentos mais difíceis.


O filme vai levantar muitas questões filosóficas, então já podem preparar-se para toda de sentimentalismo e reflexões cheio de questões subjetivas. É difícil pensar com clareza quando percebe que a sua vida está chegando ao fim e que não terá mais nenhum momento para resolver assuntos pendentes. Robin Willians vai mostrar o quão difícil é enfrentar essa situação, seja com um pouco de raiva, fúria e até decepção. Ainda mais ao tentar buscar o apoio da família que perdeu há muito tempo.
“As únicas pessoas normais são aquelas que você não conhece bem.”


Título original: The Angriest Man in Brooklyn
Ano de produção: 2014
Direção: Phil Alden Robinson




Love, kisses &rockets
Créditos das imagens
Edição e imagens: Tumblr

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos e ajudam no feedback do blog ♥
Comentário com conteúdo de baixo calão ou preconceituoso, serão excluídos.