Em Mangá Resenha

Your Name - Makoto Shinkai e Ranmaru Kotone



Hey!

Hoje eu vim falar do mangá, de um dos meus filmes favoritos da vida toda, eu estava muito ansiosa para ler o mangá e no mês passado eu finalmente comprei os 2 volumes que faltavam, e corri para ler assim que tive oportunidade.

Mitsuha é uma colegial que vive em uma pequena e pacata cidade interiorana no meio das montanhas. Apesar da vida tranquila que leva, ela se sente atraída pelo cotidiano das grandes cidades. Por já não ser mais criança, a sua percepção de mundo mudou, e ela está mais sensível aos olhares dos moradores da cidade (muito por conta da candidatura do pai a prefeito) e aos tradicionais costumes locais. Até que, certo dia, Mitsuha tem um estranho sonho no qual se torna um garoto. Nele, ela acorda em um quarto que não é seu, tem amigos que nunca viu na vida e passeia pela grande metrópole de Tóquio. E assim, Mitsuha aproveita ao máximo o dia na cidade grande onde tanto queria viver. Curiosamente, um garoto chamado Taki, que mora em Tóquio, também teve um sonho esquisito – ele se tornou uma colegial que vive numa pequena cidade no meio das montanhas. Qual o segredo por trás desses “sonhos” que os dois tiveram? Começa aqui a fascinante história do encontro dos dois jovens que jamais teriam seus caminhos cruzados.


Eu sou muito fã dos filmes do Makoto Shinkai, e Your Name não foi diferente, o livro e o mangá conquistaram um espaço mais do que especial no meu coração, a história é linda e tocante, mesmo com uma distância temporal, a relação e conexão dos personagens se desenvolve muito profundamente, e isso é mostrado com alguns detalhes a mais no mangá, como a fita de Mitsuha que tem um significado ainda mais profundo do que apenas o de ligação dos dois personagens; apesar de ter romance, não é um mangá com uma história que demora a se desenvolver, ela tem um ritmo muito bom, apresentando bem os personagens principais e os secundários, assim como o ambiente em que eles vivem.

O roteiro do mangá ficou por conta de Makoto Shinkai, mas foi Ranmaru Kotone que criou cada detalhe com um traço muito bonito e rico em detalhes, e com cenas extras que não vemos no filme, mas que fazem toda a diferença para a composição da história como um todo.

Foi uma leitura muito gostosa, que me deixou querendo ver o filme mais uma vez, o final é o mesmo do filme, o que mudam mesmo do filme para o mangá são algumas informações e cenas extras, mas que apenas enriquecem a história, acho que essa história de Makoto Shinkai é a que possui o final mais feliz que eu já vi, os personagens mesmo afastados se conectam e tem a chance de viverem juntos. Talvez para algumas pessoas isso não seja o final satisfatório, mas uma característica marcante sobre as história de Makoto Shinkai é exatamente isso, mostrar a realidade mais próxima possível, e que as vezes as coisas podem dar certo ou não e que as pessoas podem estar conectadas de alguma forma.

Recomendo muito esse mangá, para reviver a história de Mitsuha e Taki e também matar a saudade dos personagens; e eu já estou me planejando para comprar a light novel que vai ser lançada aqui no Brasil em breve. (A louca de Kimi no na wa)




ISBN: 9788545703082 | 9788545703099 | 9788545703754
Ano: 2017 | 2018
Páginas: 176 | 168 | 168
Editora: JBC
Nota: 5/5

Love,kisses & rockets
Créditos das imagens
Fotografia e edição por Amanda Prado | Fontes por DaFont

Related Articles

0 comentários:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos e ajudam no feedback do blog ♥
Comentário com conteúdo de baixo calão ou preconceituoso, serão excluídos.